Arquivo da tag: PC

O dia em que Michael Jackson abalou a internet

mj

Michael Jackson morreu aos 50 anos. Se você estava ligado na internet dia 25/06 enquanto surgiam as primeiras notícias, viveu um momento histórico. E triste, porque Michael pode ser considerado um dos últimos gênios da música e do show business. Não dá para dizer que Michael derrubou a internet. Mas, digamos, foi um abalo sísmico de proporções inéditas. A internet inteira ficou lenta. Até o Google sofreu. Vamos aos fatos:

Twitter

O site de fofocas TMZ foi o primeiro a dar a notícia de sua morte, mas foi o Twitter – sempre ele, já está ficando chato – que deu proporções planetárias ao bafafá. Mais de uma hora depois do falatório, os sites de agências de notícias começaram a confirmar a notícia em suas páginas iniciais. Por que os sites de notícia são espelhos da “mídia velha” na internet, lentos e fora de sintonia com a web? Não! Porque eles fazem jornalismo e existe nessa ciência o fator “compromisso com a verdade”. Só puderam dar a notícia oficial quando ela foi confirmada. Não foi assim com os tablóides digitais de fofoca como o TMZ e com os usuários do Twitter em geral (com exceções honrosas). Abaixo, a nuvem de palavras-chave mais faladas na ferramenta de microblogging.

bombou-mj-nuvem-do-twitter-hoje.jpg

Para se ter uma idéia, no meio de toda a confusão de ontem, foi anunciado no Twitter que o ator Jeff Goldblum também teria morrido. Apesar de ele ter sofrido um acidente no set de filmagens de um filme, continua vivo. O também ator Kevin Spacey usou a mesma ferramenta para alertar sobre o engano: “Jeff está vivo e bem. Acabo de falar com seu empresário. Parem com estes estúpidos rumores”. Muita calma nessa hora, tuiteiros…

bombou-mj-kevin-spacey.jpg

Com todas essas ressalvas importantes, palmas para o Twitter. Continua no posto de termômetro do que é dito na internet (o que cada vez mais significa “o que é dito no mundo”). Duvido que perca essa posição. O que Michael fez no Twitter talvez só seja repetido se algo de muito ruim acontecer com Paul McCartney ou Madonna (bate na madeira três vezes). Michael Jackson foi o tema de 30% de tudo falado por lá. As eleições no Irã, por exemplo, último buzz na rede, chegou apenas a picos de 5%.

Sites de notícia

Depois da fofoca e do Twitter, foi a vez dos sites de notícias. Como era de se esperar, Michael Jackson tomou conta de todos eles, como mostra a pesquisa sensacional do Tiago Dória. Alguns exemplos recolhidos por ele, abaixo.

bombou-mj-noticia-1.jpg

bombou-mj-noticia-2.jpg

bombou-mj-noticia-3.jpg

Vídeos

As primeiras lágrimas foram derramadas entre os olhos e a tela do computador. Na tela, vídeos do cantor, que inventou o que conhecemos hoje por clipe de música. Abaixo, a tela de vídeos mais vistos do Viral Vídeo Chart, que mede a popularidade pela quantidade de vezes que os vídeos foram postados em blogs nas últimas horas.

bombou-mj-videos-mais-vistos.jpg

Do primeiro ao décimo quarto, são todos dele. Depois vem um clipe da cantora Pink. E mais Michael. Abaixo, o mais visto: Thriller. Acumula 60 milhões de visualizações.

Wikipédia (Update)

Na enciclopédia coletiva online houve uma corrida na tarde de ontem para editar a página dedicada a Michael Jackson. Muitos tentavam incluir sua morte, mas os editores oficiais da Wikipédia apagavam, fazendo comentários como “Ele não está morto” e “Parem, por favor”. Houve também algumas mudanças sutis, como colocar “foi um artista” em vez de “é um artista” e dar 25 de junho de 2009 como a data da morte, logo após a data de seu nascimento.

bombou-mj-wiki-1.jpg

A página de edição entrou em colapso e a direção da Wikipédia decidiu tirá-la do ar por seis horas, até que as notícias fossem confirmadas. Hoje, já era possível ler o registro da morte feito.

Vendas disparam

Nos sites de venda de filmes e discos na internet, só deu Michael Jackson. O maior exemplo é a Amazon. Abaixo, as listas de mais vendidos em 24 horas, filmes (esquerda) e música (direita).

bombou-mj-mais-vendidos-video-e-musica.jpg

Homenagens

Foram incontáveis as homenagens em sites, blogs e nas mídias sociais. Um inglês marcou uma mobilização engraçada para hoje, em uma estação de trens em Liverpol. Segundo o convite, abaixo, todo mundo fará ao mesmo tempo o Moonwalk, passo criado e imortalizado pelo rei do pop.

bombou-moonwalk-massa.jpg

Se você está perto de lá e não tem talento para a dança, aqui está um vídeo ensinando a fazer bonito. Assim que o vídeo da manifestação for para o YouTube, coloco aqui.


O site Craziest Gadgets fez sua homenagem postando os objetos mais estranhos com o tema “Michael Jackson”. Entre os exemplos estão um radinho FM do astro…

bombou-mj-radio-fm.jpg

… e um jogo de tabuleiro dele e de seus irmãos.

bombou-mj-jogo-de-tabuleiro.jpg

Mas a mais criativa, a meu ver, pode parecer uma brincadeira de mau gosto. Mas não é. É uma homenagem singela, sobre um dos joguinhos mais famosos do começo dos anos 90. Com vocês, a imagem inédita do momento da morte de Michael Jackson, como todos os fãs dele gostariam de imaginar:

bombou-mj-homenagem-joguinho.jpg

Fonte: Bombou na Web

2 Comentários

Arquivado em Música, Notícias, Tecnologia

Britânicos criam ‘pirulito eletrônico’ que simula efeito de drogas

Ligado ao PC, aparelho transmite estímulos elétricos para a língua.
Cérebro transforma informações em imagens e outras sensações.

‘Pirulito eletrônico’ promete simular efeitos de drogas. (Foto: Reprodução)

Uma empresa inglesa promete lançar nos próximos dias um aparelho que provoca no cérebro efeitos parecidos com o das drogas. Batizado de Eye Candy, o produto se assemelha a um pirulito, e funciona ligado à porta USB do computador.

De acordo com os criadores, o Eye Candy transmite estímulos elétricos para a língua. Por meio de um conceito chamado de ‘substituição sensorial’, ao chegarem ao cérebro os estímulos não-visuais aplicados na língua se transformariam em imagens e outras sensações.

O comprador pode escolher entre seis tipos de ‘drogas eletrônicas’, cada uma prometendo um efeito diferente, como relaxamento, meditação e aumento da sociabilidade.

Em 2007, um programa que prometia simular o efeito de drogas por meio de sons ganhou popularidade na internet. Na página i-Doser, os internautas encontram batidas musicais que prometem causar essas sensações — é possível ouvir uma amostra grátis no site, além de baixar os arquivos pagos ou comprar CDs.

Segundo a página, a simulação dos efeitos da maconha, da cocaína e do ópio acontecem porque as batidas sincronizam as ondas cerebrais para os usuários sentirem-se eufóricos, sedados ou para terem alucinações.

Risco

“É possível que esses sons façam o que prometem. Sabemos que há uma série de estímulos que alteram o mecanismo cerebral, como acontece com a hipnose. Mas ainda é cedo para sabermos as conseqüências desse tipo de experiência na internet, já que é algo muito novo”, afirmou Dartiu Xavier da Silveira, psiquiatra da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) especializado no tratamento de dependências.

Pelo fato de os efeitos serem desconhecidos, Silveira não é um entusiasta desse tipo de simulador que, segundo ele, pode viciar. “É uma alternativa menos lesiva que a droga química, mas definitivamente não é benéfica, porque manipula a consciência do usuário”, afirma, lembrando das mensagens subliminares. “É possível que esses programas comecem a passar mensagens para os internautas, sem que eles se dêem conta disso.”

Fonte: G1

Deixe um comentário

Arquivado em Tecnologia

‘GTA IV’ vai ganhar versão para computadores em novembro

Jogo de ação da Rockstar bateu recordes de vendas no primeiro semestre.
Versão para PC terá uma nova opção de disputas on-line.

As produtoras Rockstar Games e Take-Two Interactive confirmaram nesta quarta (6) que ‘GTA IV’ ganhará uma versão para computadores ainda em 2008. O jogo foi originalmente lançado em 29 de abril para Xbox 360 e PlayStation 3.

Divulgação

Niko Bellic é o protagonista de ‘GTA IV’, jogo que se passa em Liberty City, reprodução fictícia da cidade de Nova York (Foto: Divulgação)

A versão de PCs chega no dia 18 de novembro aos Estados Unidos, e três dias depois às lojas da Europa. “O jogo tem um visual muito bonito no PC e funciona muito bem. Mal podemos esperar para que as pessoas joguem”, disse Sam Houser, fundador da Rockstar Games, em comunicado.

Uma das novidades da versão de PC de “GTA IV” será um novo modo on-line para partidas entre vários jogadores. O game conta a história de Niko Bellic, imigrante europeu que chega à Liberty City em busca de uma vida nova.

Em maio, o jogo entrou para o Guinness, livro dos recordes, como o “produto de entretenimento mais rentável da história”. Lançado em 29 de abril, “GTA IV” vendeu 3,6 milhões de cópias nas primeiras 24 horas, gerando US$ 310 milhões.

Fonte: G1

Deixe um comentário

Arquivado em Entretenimento, Tecnologia

Com saída de Bill Gates, Microsoft perde apenas seu garoto-propaganda

Especialistas ouvidos pelo G1 acreditam que pouco muda com sua aposentadoria.
Há tempos o executivo assumiu papel institucional, deixando o comando para Steve Ballmer.

Divulgação

Bill Gates durante evento em Las Vegas, em janeiro, quando reiterou seu afastamento da Microsoft. (Foto: Divulgação )


Bill Gates, 52, deixou oficialmente o dia-a-dia da Microsoft nesta sexta-feira (27) para se dedicar mais à fundação Bill e Melinda Gates, criada com sua mulher em 2000. Apesar dessa mudança, especialistas ouvidos pelo G1 não acreditam que o afastamento de Gates terá um grande impacto na empresa de software. Gates continuará atuando como presidente do conselho administrativo da empresa. Para isso, uma vez por semana voltará à sede da Microsoft, em Redmond (Washington, EUA).

Mas seu rosto, que se tornou sinônimo da gigante de software, deve se tornar menos freqüente no universo tecnológico. Ele deixará, por exemplo, de fazer o tradicional discurso de abertura da feira CES, realizada sempre em Las Vegas. Também será improvável que suba ao palco novamente para anunciar novidades da empresa, como a próxima versão do Windows, deixando essa tarefa para seu substituto, o diretor-executivo Steve Ballmer.
“A saída dele não deve representar uma grande transformação na Microsoft, porque a cultura da empresa já está consolidada e Bill Gates continuará ligado a ela. Haveria, sim, uma perda se ele deixasse de contribuir com suas idéias, mas não acho que esse será o caso”, afirmou Daniel Couto Gatti, coordenador do curso de Ciência da Computação da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP).

Jaci Correa Leite, professor titular do departamento de informática da Fundação Getúlio Vargas (FGV), é da mesma opinião. “Não é mais ele quem manda lá, mas sim Steve Ballmer, que sabe muito bem o que está fazendo. Não vejo uma mudança de rumo significativa na Microsoft, porque há tempos Gates já atua mais como uma figura institucional do que como um comandante. Se eu fosse acionista da empresa, realmente não estaria preocupado”, disse.

Apesar de também acreditar que o impacto será pequeno, Fernando Meirelles, professor titular de informática da FGV, faz uma ressalva. “Ele é uma figura que representa muito a Microsoft, assim como acontece com Steve Jobs e a Apple. Por isso, acho que se a Microsoft tropeçar Gates pode voltar ao comando, como já aconteceu com o seu principal rival algumas vezes”, comparou.

Gabriel Bouys/AFP

Bill Gates durante evento na Califórnia em fevereiro de 2007 (Foto: Gabriel Bouys/AFP)

O próprio Bill Gates não parece achar que sua saída vai afetar a empresa que criou em 1975 com Paul Allen. “Não conheço nenhum caso de aposentadoria que tenha sido tão cuidadosamente pensado”, disse o executivo, que aparece no clube dos homens mais ricos do mundo com US$ 58 bilhões. O processo de transição para dar total controle a Steve Ballmer foi iniciado em 2006, quando Gates anunciou oficialmente sua saída da Microsoft no período de dois anos.

Legado

Nesses mais de 30 anos na frente da Microsoft, Gates “emprestou” seu rosto à empresa e tornou-se sinônimo dela. “Ele virou símbolo da microinformática e está sempre associado à idéia do especialista em tecnologia que deu certo. Isso continuará no consciente coletivo por muito tempo”, acredita Fernando Meirelles, da FGV.

Timothy A. Clary/AFP

Ballmer, líder da Microsoft, se empolga durante as apresentações. (Foto: Timothy A. Clary/AFP)

Silvio Meira, professor titular de engenharia de software do centro de informática da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), diz que o empresário criou a indústria de software como a conhecemos hoje. “Ele tem capacidades técnicas, de negócios e de liderança absolutamente fantásticas. Gates se transformou em um intérprete do mercado de informática, capaz de entender tecnologias emergentes e melhorá-las.”

Na contramão, muitos consideram o executivo a personificação do mal: uma busca no Google por “love [amo] Bill Gates” traz 11,6 mil resultados, enquanto o número mais que dobra, chegando a 24,7 mil, quando se escreve “hate [odeio] Bill Gates”. Silvio Meira afirma que ninguém consegue ter um impacto do tamanho que o executivo teve deixando somente amigos na trilha. E Correa Leite, da FGV, diz que o fato de ele não ser não se defender das críticas deixa aqueles que as fazem ainda mais irritados.

Agora resta esperar para ver como Ballmer se comportará como principal rosto da Microsoft. Se tirarmos como base suas apresentações cheias de entusiasmo, ainda vem muita emoção por aí.

Fonte: G1

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias, Tecnologia

Abril é o mês dos games ‘eternamente adiados’

Depois de muita espera, ‘Grand theft auto IV’ e ‘Gran turismo 5 – prologue’ chegam às lojas.
Wii ganha nova versão de ‘Mario kart’; PlayStation 2 revê clássicos dos fliperamas.


Gran turismo 5 – Prologue (PlayStation 3)
Divulgação

Divulgação
‘Gran turismo 5 – prologue’ promete carros realistas no PlayStation 3 (Foto: Divulgação)

Enquanto o “verdadeiro” “Gran turismo 5” não chega, a Sony atende às necessidades dos fãs com o aperitivo: cinco pistas e 37 carros reproduzidos com o grau de fidelidade que a série consagrou.Disputas on-line e o aguardado suporte aos gráficos de alta definição são outros fatores que pesam na balança de quem considera ‘Gran turismo’ o simulador de corridas mais realista do mundo dos games.

Lançamento: 17 de abril

Leia também: Japoneses testam ‘Gran turismo 5’

Mario kart (Wii)
Divulgação

Divulgação
Mario volta a disputar corridas de kart contra seus amigos e inimigos (Foto: Divulgação)

Mario e sua turma voltam a se enfrentar nas corridas de kart em que vale tudo para sabotar a vitória dos rivais.Além de elementos conhecidos, como saltos em rampas e armas especiais, o jogador vai poder correr on-line contra 11 pessoas e e pilotar até motos.Serão 32 pistas e um novo controle em forma de volante.
Lançamento: 27 de abril
Grand theft auto IV (Xbox 360, PlayStation 3)
Divulgação

Divulgação
Ação e polêmica: ‘GTA IV’ está de volta às ruas e videogames da nova geração (Foto: Divulgação)

Inicialmente previsto para 2007, “Grand theft auto IV” foi adiado para 2008, em parte, devido a complicações técnicas com a versão de PlayStation 3.Quando o jogo for lançado, porém, a Rockstar promete que a experiência será marcante e duradoura. Dessa vez, o (anti) herói é Niko Bellic, imigrante do leste europeu que chega à Liberty City em busca do sonho americano.Leia também: Ícone rebelde, ‘GTA IV’ volta à ativa

Lançamento: 29 de abril

SNK arcade classics (PlayStation 2, PSP)
Divulgação

Divulgação
‘Metal slug’ é um dos 16 jogos da coletânea ‘SNK arcade classics’ (Foto: Divulgação)

Mais uma coletânea saudosista para resgatar a era de ouro dos jogos de fliperama. O pacote tem 16 jogos da SNK, famosa por jogos de ação e, principalmente, luta.A lista vai do tiroteio divertido de ‘Metal slug’ (foto) até a pancadaria histórica de ‘King of fighters’, ‘Art of fighting’ e ‘Samurai shodow’.

Lançamento: 29 de abril

Fonte:G1

1 comentário

Arquivado em Tecnologia

Placas de vídeo transformam PCs em supermáquinas de games

Novos lançamentos investem em múltiplos processadores para gráficos mais realistas.
Placas podem custar até US$ 600 – mais que videogames como PlayStation 3 e Xbox 360.

Divulgação

Divulgação
GeForce 9800 GX2 tem dois processadores de vídeo e custa até US$ 649 nos EUA (Foto: Divulgação)

Era uma vez o tempo em que se media a potência de um computador para jogos a partir dos “megahertz” do processador. Hoje, a placa de vídeo é a peça fundamental para o jogador definir a configuração de sua máquina.

Com os novos processadores popularizando a tecnologia dos múltiplos núcleos (dois, quatro e até oito “core”), eles se aproximam muito do “desempenho suficiente” e abrem espaço para que as placas de vídeo ganhem destaque.

A placa de vídeo (ou placa 3D) é o componente responsável por gerar os gráficos cada vez mais avançados dos jogos. Um ano depois do lançamento do Windows Vista, que pretende substituir o XP, os dois principais fabricantes já anunciam suas próximas gerações de processadores gráficos que suportam a tecnologia DirectX 10.

A Nvidia, que produz as placas GeForce, aposta no modelo 9800 GX2, lançada este mês nos EUA e que deve chegar ao Brasil em breve. A placa tem dois processadores de vídeo (GPU) e é considerada a “mais rápida do mundo”. A tecnologia SLI permite que duas delas sejam ligadas em um mesmo computador para melhorar o desempenho em jogos mais exigentes como “Crysis” e “Assassin´s creed”.

Quanto mais real, melhor
Divulgação

Divulgação
A HD 3870 X2, também com dois processadores, é a nova aposta da AMD (Foto: Divulgação)

A AMD, fabricante de processadores que engloba a ATI, produtora de placas de vídeo, também trilha o caminho da multiplicação do desempenho.

A placa HD 3870 X2 tem dois processadores de vídeo e permite que até quadro peças sejam ligadas em conjunto para potencializar os recursos visuais do computador, com a tecnologia CrossFire.

Nos EUA, a placa é encontrada por cerca de US$ 450 – preço suficiente para comprar um PlayStation 3. Os preços dos dois fabricantes, porém, devem cair com o tempo – no Brasil, a HD 3870 X2 pode ser encontrada por cerca de R$ 1.600. Os modelos mais acessíveis da nova geração são encontrados no Brasil por cerca de R$ 500 (HD 2600, da AMD, e GeForce 8600, da Nvidia).

Fonte:G1

Deixe um comentário

Arquivado em Tecnologia