Arquivo da tag: Lista

Michael Jackson será a celebridade que vai faturar mais em 2010

Mesmo morto, rei do pop é aposta dos analistas de mercado para fazer mais de US$ 200 milhões no próximo ano, acima de Ronaldo e dos Beckhams

AP Photo

O cantor Michael Jackson, durante anúncio de sua turnê mundial 2009: shows em Londres que nunca aconteceram

Mesmo depois de ser devidamente enterrado, o cantor norte-americano Michael Jackson continuará sendo a celebridade a faturar mais como marca em 2010. A aposta é dos analistas de mercado britânico, que elegeram Michael o “mais valorizado” de uma lista de 20 celebridades com poder para movimentar as caixas registradoras no país.


O ranking inclui o cantor Elvis Presley, o ator Heath Ledger (o Coringa de Batman) e a vencedora do Big Brother, Jade Goody, todos falecidos.

Morto aos 50 anos, a imagem de Jackson tem potencial para vender de roupas e acessórios até bonecos e chaveiros, ampliando uma já lucrativa linha comercial que deve perdurar com os anos.

A lista traz ainda os atores Daniel Radcliffe e Emma Watson, de “Harry Potter”, cantoras pop como Lady GaGa e Britney Spears, o ator Robert Pattinson, o vampiro de “Twilight”, a herdeira e empresária Paris Hilton, e esportistas como o corredor de Fórmula 1, Lewis Hamilton.

A previsão foi feita por mil especialistas em licenciamento e branding, os maiores da Europa, que se reunirão para o evento Brand Licensing em Londres no final deste mês.

Segundo Ciarán Coyle, diretor do Beanstalk Group, “os herdeiros de Michael Jackson poderiam faturar de US$150 milhões a mais de US$ 200 milhões em royalties de licenciamento de 2010”.

“A imagem de Michael e seu legado estão licenciados para qualquer tipo de produto, de moedas a roupas, livros e até bichinhos de pelúcia”, disse Coyle ao jornal inglês The daily Telegraph.

“Para se entender melhor as coisas, a marca Elvis faturou US$ 45 milhões no ano passado e só uma pequena parte disso veio de acordos de licenciamento”.

“O motivo pelo qual Michael Jackson continuará faturando como uma marca licenciada é que ele tinha fama e uma ligação muito forte com seus potenciais consumidores”, garante.

20 Maiores Marcas de Celebridades para 2010 *
Posição Celebridade
1 Michael Jackson
2 Cristiano Ronaldo
3 Lady GaGa
4 Emma Watson
5 Daniel Radcliffe
6 David e Victoria Beckham
7 Lewis Hamilton
8 Robert Pattinson
9 Elvis Presley
10 Britney Spears
11 Katy Perry
12 Andy Murray
13 Usain Bolt
14 Jenson Button
15 Kate Moss
16 Katie Price
17 Jamie Oliver
18 Paris Hilton
19 Heath Ledger
20 Jade Goody
*Brand Licensing

Siga pelo Twitter



Fonte: Epoca Negócios

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Entretenimento, Música, Notícias

Michael Jackson lidera parada britânica pela terceira semana

Quatro álbuns do cantor estão entre os cinco mais vendidos da Grã-Bretanha.

mjcg

O cantor Michael Jackson segue no topo da parada britânica de álbuns pela terceira semana consecutiva, informou a Official Charts Company neste domingo (12).

Confira tudo o que já foi publicado nesse blog sobre Michael Jackson.

O álbum “The essential”, com os maiores sucessos de Jackson, é o primeiro colocado na lista dos mais vendidos pela segunda semana seguida. Na primeira semana logo após a morte do cantor, o CD mais vendido foi “Number ones”.

“Lungs”, de Florence and The Machine, ficou no segundo lugar da parada nesta semana, e é o único entre os Top 5 que não é de Michael Jackson.

“Off the wall”, “Thriller” e “The Motown years” completam o ranking.

Na parada de singles, a música “Man in the mirror”, de Jackson, caiu da segunda para a terceira posição.

Os álbuns de Jackson venderam, juntos, quase 600 mil cópias na Grã-Bretanha, na semana passada.

Desde a morte do cantor, no último dia 25 de junho, o número de álbuns e singles vendidos chega a 1,5 milhão.

Siga pelo Twitter



Fonte: G1

Deixe um comentário

Arquivado em Entretenimento, Música, Notícias

Veja os vencedores do Oscar

Cerimônia de premiação aconteceu na noite deste domingo (22) nos EUA.
Brad Pitt e Angelina Jolie estavam entre os indicados desta 81ª edição.

Angelina Jolie e Brad Pitt estavam entre os indicados ao oscar 2009. (Foto: Reuters)

A festa de premiação do 81º Oscar aconteceu na noite deste domingo (22) no Kodak Theatre, em Los Angeles. “O curioso caso de Benjamin Button” (levou 3 ), filme com Brad Pitt, foi um dos favoritos, com 13 indicações. Em seguida estava “Quem quer ser um milionário?” (levou 8 ), indicado em 10 categorias.

Confira a lista dos vencedores do Oscar 2009:

Melhor filme:
– “Quem quer ser um milionário?” (vencedor)

– “Frost/Nixon”

– “O curioso caso de Benjamin Button”

– “Milk – A voz da liberdade”

– “O leitor”

Melhor ator:
– Mickey Rourke – “O lutador”

– Sean Penn – “Milk – A voz da liberdade” (vencedor)
– Frank Langella – “Frost/Nixon”

– Brad Pitt – “O curioso caso de Benjamin Button”

– Richard Jenkins – “The visitor”

Melhor atriz:
– Meryl Streep – “Dúvida”
– Kate Winslet – “O leitor” (vencedora)
– Anne Hathaway – “O casamento de Rachel”
– Angelina Jolie – “A troca”
– Melissa Leo – “Rio congelado”

Melhor diretor:
– Danny Boyle – “Quem quer ser um milionário?” (vencedor)

– Ron Howard – “Frost/Nixon”

– David Fincher – “O curioso caso de Benjamin Button”
– Gus Van Sant – “Milk – A voz da liberdade”

– Stephen Daldry – “O leitor” (filme, atriz, roteiro adaptado, fotografia)

Melhor filme em língua estrangeira:
– “Revanche”, de Gotz Spielmann (Áustria)
– “The class”, de Laurent Cantet (França)
– “The Baader Meinhof Complex”, de Uli Edel (Alemanha)
– “Waltz with Bashir”, de Ari Folman (Israel)
– “Departures”, de Yojiro Takita (Japão) (vencedor)

Melhor canção original:
– “Down to Earth”, de Peter Gabriel and Thomas Newman – “Wall.E”

– “Jai Ho” de A.R. Rahman – “Quem quer ser um milionário?” (vencedor)

– “O Saya”, de A.R. Rahman e Maya Arulpragasam – “Quem quer ser um milionário?”

Melhor trilha sonora original:
– Alexandre Desplat – “O curioso caso de Benjamin Button”
– James Newton Howard – “Defiance”
– Danny Elfman – “Milk – A voz da liberdade”
– Thomas Newman – “Wall.E”

– A.R. Rahman – “Quem quer ser um milionário?” (vencedor)

Melhor edição:
– “O curioso caso de Benjamin Button”

– “Batman – O cavaleiro das trevas”

– “Frost/Nixon”

– “Milk – A voz da liberdade”
– “Quem quer ser um milionário?” (vencedor)

Melhor mixagem de som:
– “O curioso caso de Benjamin Button”

– “Batman – O cavaleiro das trevas”
– “Quem quer ser um milionário?” (vencedor)
– “Wall.E”

– “Procurado”

Melhor edição de som:
– “Batman – O cavaleiro das trevas” (vencedor)

– “Homem de Ferro”

– “Wall.E”

– “Procurado”

– “Quem quer ser um milionário?”

Melhores efeitos especiais:
– “Batman – O cavaleiro das trevas”

– “Homem de Ferro”

– “O curioso caso de Benjamin Button” (vencedor)

Melhor documentário de curta-metragem:
– “The conscience of Nhem En”
– “The final inch”
– “Smile Pinki” (vencedor)
– “The witness – From the balcony of room 306”

Melhor documentário de longa-metragem:
– “The betrayal”
– “Encounters at the end of the world”
– “The garden”
– “Man on wire” (vencedor)
– “Trouble the water”

Melhor ator coadjuvante:
– Heath Ledger – “Batman – O cavaleiro das trevas” (vencedor)
– Josh Brolin – “Milk – A voz da liberdade”

– Robert Downey Jr. – “Trovão tropical”
– Philip Seymour Hoffman – “Dúvida”

– Michael Shannon – “Foi apenas um sonho”

Melhor curta-metragem:
– “Auf der strecke (On the Line)”
– “Manon on the asphalt”
– “New Boy”
– “The Pig”
– “Spielzeugland (Toyland)” (vencedor)

Melhor fotografia:
– “A troca”

– “O curioso caso de Benjamin Button”
– “O leitor”
– “Batman – O cavaleiro das trevas”

– “Quem quer ser um milionário?”

Melhor maquiagem:
– “O curioso caso de Benjamin Button” (vencedor)
– “Batman – O cavaleiro das trevas”

– “Hellboy II – O exército dourado”

Melhor figurino:
– “Austrália”
– “O curioso caso de Benjamin Button”

– “A duquesa” (vencedor)

– “Milk – A voz da liberdade”

– “Foi apenas um sonho”

Melhor direção de arte:
– “A troca”

– “O curioso caso de Benjamin Button” (vencedor)

– “Batman – O cavaleiro das trevas”

– “A duquesa”
– “Foi apenas um sonho”

Melhor animação de curta-metragem:
– “La maison en petits cubes” (vencedor)
– “Lavatory – Lovestory”
– “Oktapodi”
– “Presto”
– “This Way Up”

Melhor longa de animação:
– “Wall.E” (vencedor)

– “Kung Fu Panda”
– “Bolt – Supercão”

Melhor roteiro adaptado:
– “O caso curioso de Benjamin Button”

– “Dúvida”

– “Frost/Nixon”

– “O leitor”

– “Quem quer ser um milionário?” (vencedor)

Melhor roteiro original:
– “Rio congelado”
– “Na mira do chefe”
– “Wall.E” (longa de animação, mixagem de som, edição de som, trilha sonora original, canção original)
– “Milk – A voz da liberdade” (vencedor)

– “Happy-go-lucky”

Melhor atriz coadjuvante:

– Amy Adams – “Dúvida”

– Penélope Cruz – “Vicky Cristina Barcelona” (vencedora)
– Viola Davis – “Dúvida”

– Taraji P. Henson – “O curioso caso de Benjamin Button”
– Marisa Tomei – “O lutador”

Fonte: G1

1 comentário

Arquivado em Entretenimento

Lista ‘calcula’ os 20 melhores discos da história

Lista ‘calcula’ os 20 melhores discos da história

Site montou fórmula para montar relação dos álbuns mais importantes.
“Songs in the key of life”, de Stevie Wonder, foi o número 1.

Divulgação.

Disco de Stevie Wonder foi ‘calculado’ como o melhor da história

Listas dos melhores são sempre polêmicas e nunca agradam a todos. Pois um blog montou uma fórmula (mais ou menos) matemática para tentar definir quais foram os 20 discos mais importantes para o mercado musical norte-americano.

Robert do Y!Radish calculou a sua lista dos 20 melhores álbuns pela seguinte base: valor do poder de durabilidade + cópias vendidas + sucesso entre a crítica + quantidade de prêmios conquistados no Grammy. Quem obtivesse a nota mais alta alcançava posições mais altas no ranking.

Valor do poder de durabilidade, segundo o blog, é quanto o disco ainda vale para a venda nos dias de hoje. Ele dá como exemplo o disco “Rumours”, do Fleetwood Mac (19 milhões de cópias vendidas), que no mercado de usados custa mais ou menos US$ 9,50, enquanto “Cracked rear view”, do Hootie & The Blowfish (16 milhões de cópias), vale mero US$ 1,38.

Também foram pesquisados as resenhas em diferentes publicações, a quantidade de cópias vendidas nos Estados Unidos e o número de Grammys conquistados (segundo o autor, a parte menos importante da conta). Com cada item calculado por diferentes pesos, Robert do Y!Radish chegou ao seguinte resultado:

20. “Faith”, George Michael

19. “Appetite for destruction”, Guns ‘N Roses

18. “Purple rain”, Prince

17. “Houses of the holy”, Led Zeppelin

16. “Born in the USA”, Bruce Springsteen

15. “Nevermind”, Nirvana

14. “Van Halen”, Van Halen

13. “Rumours”, Fleetwood Mac

12. “The wall”, Pink Floyd

11. “The Joshua tree”, U2

10. “Metallica – The black album”, Metallica

9. “Led Zeppelin”, Led Zeppelin

8. “Hotel California”, Eagles

7. “The Beatles – The white album”, Beatles

6. “Led Zeppelin IV”, Led Zeppelin

5. “Abbey road”, Beatles

4. “Physical graffiti”, Led Zeppelin

3. “Thriller”, Michael Jackson

2. “Dark side of the moon”, Pink Floyd

1. “Songs in the key of life”, Stevie Wonder

Fonte: G1

Deixe um comentário

Arquivado em Música

Elvis é rebaixado em nova parada histórica da Billboard

Rei do rock’n’roll sumiu misteriosamente dos primeiros escalões de um novo ranking.
Até abril, Presley e Mariah Carey estavam empatados no segundo lugar da lista da Billboard

Divulgação

Elvis Presley: o rei perde espaço nas paradas. (Foto: Divulgação)

Pobre Elvis. O rei do rock’n’roll sumiu misteriosamente dos primeiros escalões de um novo ranking dos artistas que têm mais sucessos número 1 na parada de singles pop dos Estados Unidos.

Até abril, Elvis Presley e Mariah Carey estavam empatados no segundo lugar da lista da Billboard dos maiores nomes da era do rock, cada um com 17 canções número 1, perdendo apenas para os Beatles, que tiveram 20.

Mas Carey virou a dona única da medalha de prata quando seu single “Touch my body” tornou-se número 1. Elvis ainda deveria ser o número 3 da lista – mas não de acordo com a Billboard, que o rebaixou para o 14º lugar, com apenas sete sucessos número 1. Ele divide a posição com Phil Collins.

A publicação musical, que tem um acordo de distribuição de notícias com a Reuters, está lançando uma série de listas para comemorar o 50º aniversário de sua parada de singles Hot 100.

O problema, para os fãs de Elvis Presley, é que dez de suas canções líderes das paradas foram anteriores ao nascimento da parada Hot 100, em 4 de agosto de 1958.

Juke box

A primeira parada abrangente definida pelo número de vezes em que cada canção era tocada nas rádios, suas vendas no varejo e seu uso em “juke boxes” começou em 12 de novembro de 1955 e ficou conhecida como Top 100.

Naquelas 141 semanas antes de a Billboard lançar o nome Hot 100, Elvis Presley dominou a parada por 57 semanas, segundo a Billboard. De acordo com alguns fãs, depois de ser recrutado pelo Exército americano, em março de 1958, Elvis nunca recuperou seu pique comercial ou criativo total.

O diretor de paradas da Billboard, Geoff Mayfield, defendeu a parada, dizendo que ainda é relevante apesar de ignorar a época áurea do primeiro verdadeiro astro do rock’n’roll.

“Tomamos grande cuidado com as comparações entre os feitos de artistas mais jovens no Hot 100 e os de Elvis, informando aos leitores que as proezas de Elvis nas paradas antecederam o lançamento da lista Hot 100”, disse Mayfield por email.

Alguns rankings especiais que a Billboard pretende lançar em breve vão incluir os maiores nomes de todos os tempos a terem feito apenas um sucesso, além das canções número 1 de todos os anos desde 1958.

A série vai culminar em 10 de setembro com o que afirma ser o primeiro ranking das Hot 100 canções de todos os tempos. Só não espere ver “Heartbreak hotel” ou “Hound dog” nessa lista.

Fonte: G1

Deixe um comentário

Arquivado em Música

Rádio britânica elege ‘Billie Jean’ a melhor música dance

A música ‘Billie Jean’ de Michael Jackson foi votada a melhor canção dance de todos os tempos pelos ouvintes da Rádio 2 da BBC.
Billie Jean

Perfomance: Billie Jean

Escrita por Jackson e lançada no álbum “Thriller”, de 1982 – disco que é considerado a obra-prima do cantor – a faixa ganhou dois prêmios Grammy e ficou no topo das paradas em 1983.

A música de Donna Summer, “I feel love”, que chegou ao topo das paradas em 1977, ficou em segundo lugar na pesquisa.

Em terceiro lugar ficou a lenda do soul James Brown com a música “Get up (I feel like being a) sex machine”, de 1970.

Do quarto até o nono lugar, foram votadas músicas house e dance dos anos 80 e 90. Em décimo ficou “Key to my happiness”, do The Charades, de 1966.

Um grupo de especialistas em música, incluindo DJs, fez uma lista de 20 músicas que então foram votadas pelos ouvintes via internet. As músicas, datadas entre 1966 e 2001 foram selecionadas pelo “mérito musical e a importância na narrativa da música dance britânica”.

Para Zoe Ball, a DJ da Rádio 2 da BBC que apresentou o programa com as dez melhores músicas dance, a música Billie Jean mostra “Michael Jackson em sua melhor fase, (…) é simplesmente perfeita”.

Inconfundível

Quando foi lançado em 1982, “Thriller” reescreveu as regras do marketing da música pop, principalmente devido aos vídeos lançados, que usavam elementos cinematográficos pela primeira vez para divulgar uma música.

O vídeo da música “Thriller”, por exemplo, foi dirigido por John Landis, mostrou Jackson como um zumbi, dura 14 minutos e foi produzido com US$ 500 mil.

O álbum é apontado freqüentemente como o campeão de vendas de todos os tempos, com 65 milhões de cópias segundo o livro Guinness dos Recordes.

Sete das nove faixas de “Thriller” chegaram às paradas mundiais. Jackson surpreendeu o mundo quando apresentou a famosa dança Moonwalk, em um especial de televisão para a gravadora Motown, em 1983.

Já o início da própria “Billie Jean” é reconhecido instantaneamente devido às primeiras batidas na introdução. O vídeo também é um dos que marcaram a história da música pop.

O engenheiro de som Bruce Swedien afirmou que, na época da gravação, Jackson pediu que a música tivesse “a melhor personalidade sonora que você puder colocar em uma música – começando com a bateria”.

Fonte: G1

1 comentário

Arquivado em Música

‘Salsicha’ é o cão mais feroz do mundo, diz estudo

Pesquisa da Universidade da Pensilvânia, nos EUA, põe ‘bad boy’ pit bull em 6º na lista.

Nada de pitt bull, rottweiller ou pastores alemães – as raças mais agressivas do mundo são dachshund, chihuahua e jack russell terriers, de acordo com um estudo recente da Universidade da Pensilvânia, nos Estados Unidos.

A pesquisa foi publicada na última edição da publicação científica Applied Animal Behavior Science e afirma que um em cinco dachshunds, também conhecidos como cães salsicha, já atacou ou tentou atacar estranhos; um em 12 dos salsichas já atacou os próprios donos.

Estes são alguns dos resultados do levantamento com 6 mil donos de cães de 30 raças diferentes. De acordo com os questionários, as raças que mais tendem a atacar humanos são dachshund e chihuahua.

Já os cães menos agressivos, de acordo com a pesquisa, são golden retrievers, labradores, são bernardos, britanny spaniels e greyhounds.

Os “bad boys” caninos, raças que enfrentam má fama de serem muito agressivas, como pitt bulls e rottweillers, ficaram na média de agressividade canina ou até abaixo, no que diz respeito a ataques contra estranhos.

Os pesquisadores afirmam que o estudo indica que raças menores tendem a ser mais agressivas que as maiores.

A diferença nos resultados dessa pesquisa para outros levantamentos sobre agressividade canina pode se dever ao fato de normalmente serem usadas estatísticas médicas de ataques a mordidas.

Como os ataques de cães maiores costumam causar ferimentos mais graves que os menores, estas estatísticas poderiam estar distorcidas, afirmam os acadêmicos americanos.

Fonte: G1

8 Comentários

Arquivado em Curiosidades