Arquivo da tag: História

Kaká é a 2ª contratação mais cara do futebol

O brasileiro Kaká, que teve a contratação anunciada oficialmente na noite de segunda-feira pelo Real Madrid, é o segundo jogador mais caro da história do futebol, atrás apenas da contratação pelo clube espanhol do francês Zinédine Zinade em 2001, ao custo de 75 milhões de euros.

KAKA Real

O Real Madrid adquiriu os direitos federativos do craque brasileiro por 65 milhões de euros.

Confira as 10 contratações mais caras da história:

1. Zinédine Zidane (FRA), da Juventus ao Real Madrid , 75 milhões de euros
2. Kaká (BRA), do Milan ao Real Madrid , 65 milhões de euros
3. Luis Figo (POR), do Barcelona ao Real Madrid , 61 milhões
4. Hernán Crespo (ARG), do Parma à Lazio, 56 milhões
5. Gaizka Mendieta (ESP), do Valencia à Lazio, 48 milhões
6. Rio Ferdinand (ENG), do Leeds ao Manchester, 47 milhões
7. Andrey Shevchenko (UCR), do Milan ao Chelsea, 46 milhões
8. Juan Sebastián Verón (ARG), da Lazio ao Manchester, 46 milhões
9. Ronaldo (BRA), da Inter de Milão ao Real Madrid, 45 milhões
10. Manuel Rui Costa (POR), da Fiorentina ao Milan (2001), 43 milhões

Fonte: Esportes.Terra

Deixe um comentário

Arquivado em Curiosidades, Esportes

Lista ‘calcula’ os 20 melhores discos da história

Lista ‘calcula’ os 20 melhores discos da história

Site montou fórmula para montar relação dos álbuns mais importantes.
“Songs in the key of life”, de Stevie Wonder, foi o número 1.

Divulgação.

Disco de Stevie Wonder foi ‘calculado’ como o melhor da história

Listas dos melhores são sempre polêmicas e nunca agradam a todos. Pois um blog montou uma fórmula (mais ou menos) matemática para tentar definir quais foram os 20 discos mais importantes para o mercado musical norte-americano.

Robert do Y!Radish calculou a sua lista dos 20 melhores álbuns pela seguinte base: valor do poder de durabilidade + cópias vendidas + sucesso entre a crítica + quantidade de prêmios conquistados no Grammy. Quem obtivesse a nota mais alta alcançava posições mais altas no ranking.

Valor do poder de durabilidade, segundo o blog, é quanto o disco ainda vale para a venda nos dias de hoje. Ele dá como exemplo o disco “Rumours”, do Fleetwood Mac (19 milhões de cópias vendidas), que no mercado de usados custa mais ou menos US$ 9,50, enquanto “Cracked rear view”, do Hootie & The Blowfish (16 milhões de cópias), vale mero US$ 1,38.

Também foram pesquisados as resenhas em diferentes publicações, a quantidade de cópias vendidas nos Estados Unidos e o número de Grammys conquistados (segundo o autor, a parte menos importante da conta). Com cada item calculado por diferentes pesos, Robert do Y!Radish chegou ao seguinte resultado:

20. “Faith”, George Michael

19. “Appetite for destruction”, Guns ‘N Roses

18. “Purple rain”, Prince

17. “Houses of the holy”, Led Zeppelin

16. “Born in the USA”, Bruce Springsteen

15. “Nevermind”, Nirvana

14. “Van Halen”, Van Halen

13. “Rumours”, Fleetwood Mac

12. “The wall”, Pink Floyd

11. “The Joshua tree”, U2

10. “Metallica – The black album”, Metallica

9. “Led Zeppelin”, Led Zeppelin

8. “Hotel California”, Eagles

7. “The Beatles – The white album”, Beatles

6. “Led Zeppelin IV”, Led Zeppelin

5. “Abbey road”, Beatles

4. “Physical graffiti”, Led Zeppelin

3. “Thriller”, Michael Jackson

2. “Dark side of the moon”, Pink Floyd

1. “Songs in the key of life”, Stevie Wonder

Fonte: G1

Deixe um comentário

Arquivado em Música

ABBA faz história e lidera paradas britânicas com álbum de 1992

Feito marca a primeira vez que um disco chega ao topo após intervalo tão longo.
Grupo sueco voltou a fazer sucesso após a versão em filme do musical ‘Mamma Mia!’.

Divulgação

O grupo sueco ABBA. (Foto: Divulgação)


O grupo sueco ABBA fez história nas paradas britânicas depois que o álbum “Gold – Greatest hits” tornou-se o mais antigo a alcançar a primeira posição, informou neste domingo (3) a Official UK Charts Company.

Lançado em 1992, a compilação de músicas já havia liderado as paradas em quatro outras ocasiões, mas o feito deste domingo marca a primeira vez que um álbum chega ao topo após intervalo tão longo.

O grupo sueco tem experimentado novamente o sucesso após a versão em filme do musical “Mamma Mia!”, que teve a trilha sonora no topo das paradas há duas semanas.

Com as vendas mundiais chegando a 26 milhões de unidades, “Gold” tornou-se um dos 40 discos mais vendidos de todos os tempos. Somando-se todos os seus discos, o ABBA já vendeu mais de 350 milhões de unidades em todo o mundo.

Atualmente, o grupo ainda vende 3 milhões de discos por ano.

O sucesso do ABBA fez o álbum “Viva la vida or death and all his friends”, do Coldplay, cair para a segunda posição, com “Rockferry”, da cantora britânica Duffy, em terceiro.

Entre os dez álbuns mais vendidos não há nenhum lançamento. “Rock ‘n’ roll Jesus”, de Kid Rock, impressionou ao subir 141 posições e ficar em quarto na lista.

O norte-americano foi ainda melhor na parada, com “All summer long” alcançando a primeira posição e jogando para o segundo lugar “Dance wiv me”, do rapper Dizzee Rascal.

Fonte: G1

Deixe um comentário

Arquivado em Música

Rádio britânica elege ‘Billie Jean’ a melhor música dance

A música ‘Billie Jean’ de Michael Jackson foi votada a melhor canção dance de todos os tempos pelos ouvintes da Rádio 2 da BBC.
Billie Jean

Perfomance: Billie Jean

Escrita por Jackson e lançada no álbum “Thriller”, de 1982 – disco que é considerado a obra-prima do cantor – a faixa ganhou dois prêmios Grammy e ficou no topo das paradas em 1983.

A música de Donna Summer, “I feel love”, que chegou ao topo das paradas em 1977, ficou em segundo lugar na pesquisa.

Em terceiro lugar ficou a lenda do soul James Brown com a música “Get up (I feel like being a) sex machine”, de 1970.

Do quarto até o nono lugar, foram votadas músicas house e dance dos anos 80 e 90. Em décimo ficou “Key to my happiness”, do The Charades, de 1966.

Um grupo de especialistas em música, incluindo DJs, fez uma lista de 20 músicas que então foram votadas pelos ouvintes via internet. As músicas, datadas entre 1966 e 2001 foram selecionadas pelo “mérito musical e a importância na narrativa da música dance britânica”.

Para Zoe Ball, a DJ da Rádio 2 da BBC que apresentou o programa com as dez melhores músicas dance, a música Billie Jean mostra “Michael Jackson em sua melhor fase, (…) é simplesmente perfeita”.

Inconfundível

Quando foi lançado em 1982, “Thriller” reescreveu as regras do marketing da música pop, principalmente devido aos vídeos lançados, que usavam elementos cinematográficos pela primeira vez para divulgar uma música.

O vídeo da música “Thriller”, por exemplo, foi dirigido por John Landis, mostrou Jackson como um zumbi, dura 14 minutos e foi produzido com US$ 500 mil.

O álbum é apontado freqüentemente como o campeão de vendas de todos os tempos, com 65 milhões de cópias segundo o livro Guinness dos Recordes.

Sete das nove faixas de “Thriller” chegaram às paradas mundiais. Jackson surpreendeu o mundo quando apresentou a famosa dança Moonwalk, em um especial de televisão para a gravadora Motown, em 1983.

Já o início da própria “Billie Jean” é reconhecido instantaneamente devido às primeiras batidas na introdução. O vídeo também é um dos que marcaram a história da música pop.

O engenheiro de som Bruce Swedien afirmou que, na época da gravação, Jackson pediu que a música tivesse “a melhor personalidade sonora que você puder colocar em uma música – começando com a bateria”.

Fonte: G1

1 comentário

Arquivado em Música